Confira 3 alternativas para usar serviços de e-mail de maneira segura

Serviços de e-mail criptografados e endereços eletrônicos temporários podem evitar coletas de dados e a enxurrada de mensagens spam

De Olhar Digital [Da Redação, editado por Daniel Junqueira 23/08/2020 15h00]

O seu e-mail é muito mais importante do que parece. Ele armazena seus logins de outras plataformas, recibos de pagamentos, tickets de viagens e diversos documentos privados. E talvez por guardar tantas informações, optar por um e-mail não tão popular, mas que preze pela privacidade, pode não ser má ideia.

A pandemia do coronavírus obrigou muitas empresas a adotarem o regime home office, e em muitas ocasiões, sem as medidas de segurança necessárias. Os cibercriminosos se aproveitaram disso. De acordo com um levantamento da Check Point, os ataques cibernéticos aumentaram em 60% no primeiro semestre, usando os e-mails como principal meio para a aplicação das violações.

Além da falta de proteção extra dos e-mails tradicionais contra mensagens de phishing e arquivos infectados com malware, as principais empresas de endereços eletrônicos podem coletar alguns de seus dados para otimizar outros serviços fornecidos.

Apesar de o Gmail não verificar o conteúdo dos e-mails, ele pode usar informações como localização e reservas de hotéis para aprimorar a experiência dos usuários, disponibilizando mapas locais da área e até permitindo a marcação de eventos em seu calendário. Outros grandes provedores de e-mail como Outlook e Yahoo podem não ser seguros o suficiente, dependendo das suas necessidades.

Por conta disso, listamos 3 dicas que podem trazer alternativas mais seguras do que serviços oferecidos pelas empresas de e-mail convencionais.

1. Opte por serviços que prezam pela segurança

computer-1591018_1920.jpg

Serviços de e-mail criptografados são mais difíceis de serem rastreados. Foto: Pixabay

Escolher um serviço mais privado pode demandar um certo trabalho inicial, mas trará maior certeza quanto a sua segurança online. Faça um balanço geral de todas as suas contas, pois será necessário alterar os endereços de e-mail associados a elas para o novo serviço.

O ProtonMail é protegido por algumas das leis de privacidade mais rígidas do mundo. Além de não ser necessária nenhuma informação pessoal para criar uma nova conta, o serviço dispõe de criptografia de ponta a ponta. Nem mesmo a empresa é capaz de acessar seu dados. É possível escolher pelo plano gratuito — que vem com 500 MB de armazenamento — ou por contratos a partir de € 4 (R$ 26 em conversão direta) por mês.

Caso você esteja disposto a fazer um investimento e optar por um serviço de e-mail reforçado, o Lavabit pode ser uma ótima opção. É certo que a Lavabit requer um pouco mais de trabalho nas configurações do que o ProtonMail — você terá que defini-lo como um cliente de e-mail externo—, mas a criptografia de suas mensagens e dados serão garantidas. Os serviços variam desde o básico ("modo confíavel", com custo de US$ 30 por ano - R$ 167 em conversão direta) até o "modo paranóico".

Dica: mesmo que opte por um serviço de e-mail de maior segurança, não exclua seu endereço eletrônico antigo. Use-o para contas que não contêm informações confidenciais ou sensíveis.

2. Crie contas em e-mails temporários

lukas-blazek-UAvYasdkzq8-unsplash.jpg

Serviços temporários são boas opções para evitar que suas contas principais fiquem lotadas de aúncios e e-mails spam. Foto: Unsplash

Outra opção para evitar coletas de dados e mensagens de spam é utilizar um endereço eletrônico temporário. Estes serviços geralmente utilizam combinações de números e letras aleatórios para a criação de uma nova conta e não exigem dados pessoais do usuário — dificultando a coleta de informações de terceiros. Também é possível utilizá-lo para repassar os e-mails recebidos para seu serviço de e-mail principal.

Uma das melhores opções no mercado é o Burner Mail. Por meio dele é possível gerar um e-mail exclusivo e anônimo para cada serviço assinado, dificultando o rastreamento por empresas e anunciantes. Você pode escolher por planos gratuitos ou premium.

Caso você precise de um e-mail apenas para conceder acesso em uma nova conta em determinada plataforma, o 10 Minute Mail pode te ajudar. Como o próprio nome diz, o serviço tem vída útil de 10 minutos. Após o período, sua conta e suas mensagens serão expiradas. Por isso é importante salvar ou encaminhar todos os e-mails de maneira rápida.

Até gigantes como Apple e o Firefox estão incorporando os recursos de e-mails temporários. Enquanto a dona do iPhone introduziu o Sign In with Apple (que cria um e-mail descartável associado ao seu login do iCloud), a Mozilla criou o Firefox Relay, bem semelhante ao serviço oferecido pela Apple.

3. Não envie e-mails

image-from-rawpixel-id-950877-jpeg.jpg

Arquivos podem ser enviados por plataformas que já contam com criptografia. Foto: Rawpixel

Nem toda mensagem necessariamente precisa ser enviada a partir de um e-mail eletrônico. Plataformas como o Signal (reconhecido pela sua segurança) e até mesmo o WhatsApp utilizam criptografia de ponta a ponta e possibilitam envios de textos, vídeos, fotos e arquivos.

Outros serviços como o WeTransfer e SendAnywhere possibilitam envios de arquivos maiores e oferecem serviços de compartilhamento protegidos por senha.

Via: Wired

Faça backup dos dados do Whatsapp do Android para o iPhone

Se você utiliza o WhatsApp Business no seu negócio, é fundamental possuir um backup para não perder dados importantes

Atualmente o WhatsApp já se tornou o aplicativo preferido de bastantes pessoas.

Com mais de 1 bilião de usuários, diariamente são trocadas mensagens pessoais, familiares, sobre negócios ou dados importantes. Logo, torna-se importante salvar em algum lugar as mensagens trocadas no WhatsApp.

O termo utilizado para essa ação é o Backup, que permite armazenar quaisquer dados, conteúdos de mídia ou links trocados nas mensagens em um local seguro e acessível a qualquer momento.

Ainda mais importante, se você utiliza o WhatsApp Business no seu negócio para trocar dados sobre a sua empresa, contratos realizados ou informações sobre os seus clientes e encomendas, torna-se fundamental possuir um backup ou cópia de segurança para nunca perder estes dados.

Felizmente para sua segurança, existem aplicativos, como o MobileTrans, que permite realizar um backup seguro e resolver essas preocupações da sua cabeça.

O que é um backup?

Um backup é uma cópia de segurança, que permite armazenar os seus dados em outro dispositivo ou local. Estes ficam acessíveis a qualquer momento que você necessite, sempre na sua posso e propriedade.

Assim, se algum dia os seus arquivos originais ficarem corrompidos, se os perder ou apagar acidentalmente, será possível recuperar.

Existem dois tipos de backups, na nuvem (cloud) ou local.

Grandes empresas tecnológicas já disponibilizam vários serviços de armazenamento de dados na nuvem, como por exemplo o Google Drive ou iCloud. Os seus dados ficam salvos em servidores encriptados que se encontram em um espaço físico, embora você acesse através da internet.

Outra opção é o backup local, ou seja armazenar na memória ou cartão SD do seu celular ou dispositivo.

Backup de dados em aplicativos

É bastante comum aplicativos de mensagens, como o Whatsapp, realizarem cópias de segurança automáticas, num espaço de tempo selecionado. No entanto também é possível solicitar por um backup a qualquer momento.

Os dados que você gera têm um tamanho associado, logo necessitam ser armazenadas em algum local ou podem ser deletadas do servidor do aplicativo. A escolha é sua, dependendo das suas necessidades.

Realizar esses backups torna-se uma vantagem quando você compra um novo celular ou quando perde o seu smartphone e pretende acessar às mesmas mensagens antigas, algo que apenas um backup consegue resolver.

Por vezes os dispositivos tecnológicos podem sofrer uma série de problemas, logo torna-se importante realizar um backup aos seus documentos mais importantes.

Aplicativo MobileTrans

A Wondershare disponibiliza o software MobileTrans para realizar backup e restauro de dados do WhatsApp.

De forma simples, sincronizada e segura torna-se possível restaurar os seus dados entre vários sistemas diferentes, pois este aplicativo, permite fazer backup de dados do WhatsApp do Android para iPhone.

Principais recursos

  • Transferir WhatsApp: Direcionada especialmente para o aplicativo WhatsApp, torna-se possível realizar um backup, restauro ou transferência de todas as suas conversas. No entanto também funciona perfeitamente nos aplicativos de mensagens Line, Viber, Kik e Wechat.
  • Transferir os dados de celular: É possível transferir todos os formatos e tipos de dados presentes no aplicativo, sejam mensagens, imagens, vídeos, contatos e outros, entre celulares Andoird e iPhone.
  • Backup: Fazer backup dos dados do seu smartphone, armazenando diretamente no seu PC, incluindo fotos, vídeos, contatos e mais.
  • Restaurar os dados de backup local do MobileTrans e iTunes para celulares ou tablets de Android ou iOS.
  • Compatibilidade: Suporta transferência entre celulares de sistemas operacional diferente.

Com bastantes funcionalidades e opções, quaisquer das suas necessidades podem ser resolvidas através do aplicativo MobileTrans. Inclusive quando o assunto se torna empresarial e necessita confiança no backup do WhatsApp Business.

Como executar o MobileTrans

Ao abrir o aplicativo MobileTrans, você irá notar uma interface simples e intuitiva.

Neste exemplo, vamos realizar um backup dos dados do WhatsApp de Android para iPhone.
Embora seja possível transferir diretamente de um sistema operacional para o outro, aqui vamos fazer armazenar o backup dos dados de Android no PC, localmente para de seguida restaurar esses dados com outro celular.

Para começar, acesse no menu Transferir Dados do WhatsApp (canto esquerdo).

1.png

Nesta página você poderá selecionar qual aplicativo você pretente armazenar os dados, seja o WhatsApp, Line, Viber ou outro.

Após selecionar o seu aplicativo, continue clicando no menu Faça backup das mensagens WhatsApp (canto direito).

2.png

De seguida, conecte o seu smartphone ao PC através de um cabo USB. Não se esqueça de aceitar todas as permissões que possam ser pedidas no celular, para confiar neste aplicativo.

Assim o seu celular será reconhecido pelo MobileTrans e você conseguirá realizar um backup de WhatsApp android para iPhone ou o inverso.

3.png

No momento que o seu smartphone for reconhecido, no menu centrar selecione quais dados você pretende armazenar nesta cópia de segurança no seu computador.

Tenha em consideração quantos gigabytes estes dados podem ocupar, para possuir este espaço livre no seu disco.

Assim que tiver escolhido todos os parâmetros, clique em Iniciar.

Agora todos os seus dados estão sendo armazenados no seu computador e este processo pode demorar alguns minutos, você deve aguardar até estar finalizado.

Por fim, para transferir os dados do seu PC para o celular, basta acessar no menu Restaure para dispositivo.

2_1.png

Nessa página você terá o procedimento semelhante ao realizado acima. Apenas necessita escolher qual backup pretende realizar, escolher os dados e conectar o seu celular via USB.

4.png

Ao clicar no botão Iniciar, o processo começa e você conseguirá transferir dados do WhatsApp do seu Android para o Iphone.

Conclusões finais

Sempre vão existir dados importantes que queremos salvar, no entanto estes podem se encontrar dentro de um aplicativo, como o WhatsApp. Isto dificulta o processo de acessar ao celular e copiar esses dados para outro local.

O MobileTrans permite realizar um backup diretamente entre celulares ou para um PC, facilitando o processo de backup.

Com as suas multiplas funcionalidades, qualquer opção se torna possível.

Por fim, nunca se esqueça que muitas vezes troca mensagens que podem ter valor judicial, logo convém armazenar em algum lugar seguro, caso seja necessário no futuro.

Ainda mais em uma empresa que troque informações via um aplicativo, seja sobre clientes ou funcionários, estes dados são importantes e devem possuir uma cópia de segurança caso algo corra mal.

Fonte: administradores.com.br

Novo recurso do WhatsApp ajuda a verificar se algo é Fake News

O WhatsApp anunciou nesta segunda-feira (3) um novo recurso para combater o espalhamento de notícias falsas e outras formas de desinformação no mensageiro.

1 min de leitura | TecMundo Por Nilton Kleina via nexperts
Imagem de: Novo recurso do WhatsApp ajuda a verificar se algo é Fake News
Imagem: Pixabay

A partir de agora, mensagens que são consideradas suspeitas pela plataforma (ou seja, que são encaminhadas em massa e entre vários usuários) receberão um ícone de lupa ao lado da janela com o link.

Ao clicar no botão, o aplicativo sugere uma pesquisa sobre o assunto na internet. A ideia é que, com uma consulta rápida a fontes confiáveis, você possa descobrir se aquilo é falso ou não. Caso o usuário concorde, ele será direcionado automaticamente à busca pelo navegador padrão do celular ou computador.

Como o WhatsApp possui criptografia de ponta-a-ponta, o servidor do app não armazena e nem consegue ver o conteúdo das mensagens — o julgamento do que é suspeito é baseado somente no espalhamento do link. O exemplo postado no blog da empresa, entretanto, é diretamente relacionado com a pandemia do novo coronavírus, o que indica que essa é uma das grandes preocupações atuais da plataforma.

Um exemplo de mensagem encaminhada em massa e buscada na internet.
Um exemplo de mensagem encaminhada em massa e buscada na internet. Fonte:  WhatsApp 

Também na tentativa de reduzir a disseminação de conteúdos enganosos, o WhatsApp já limitou mais de uma vez a quantidade de encaminhamentos de mensagens.

Por enquanto, só algumas regiões começaram a receber a novidade: Brasil, Espanha, Estados Unidos, Irlanda, Itália, México e Reino Unido estão entre os primeiros, com o recurso liberado quanto no app para Android ou iOS quanto na versão WhatsApp Web.

Fonte: TecMundo

↓
× Como posso te ajudar?