Por que manter o hardware atualizado é tão importante?

Todos os anos, o mercado de hardware oferece atualizações nos mais diversos setores.

Processadores, placas de vídeo e memórias são apenas alguns dos componentes que recebem updates constantes, com novos modelos sendo anunciados com frequência. Embora seja o ideal, nem todas as pessoas têm condições de manter o hardware atualizado com os últimos lançamentos do mercado.

Porém, ter peças e componentes do computador atualizadas é uma das melhores formas de garantir o bom desempenho. Além disso, essa prática pode trazer benefícios importantes, especialmente se o dispositivo é usado em ambientes corporativos, como empresas, lojas e escritórios.

Quer saber por que manter o hardware atualizado é tão importante? Então continue a leitura.

Economia

?Pode parecer contraditório, mas “gastar” com a atualização de um hardware defasado pode trazer economia. Máquinas com peças antigas tendem a dar mais problema, então gasta-se mais com manutenção, suporte e tempo dedicado para realizar os reparos necessários.

Além disso, computadores com hardware antigo geralmente apresentam um desempenho aquém do esperado. Isso se traduz em queda de performance de quem utiliza o dispositivo, já que a lentidão pode atrapalhar a produtividade. Assim, empresas que mantêm o hardware atualizado gastam menos com manutenção e aproveitam o máximo que os computadores têm a oferecer.

Segurança

Manter o hardware atualizado pode proporcionar mais segurança? Nesse caso, o update referido é de driver, capaz de realmente aprimorar a proteção da máquina em alguns aspectos. Um componente que não esteja com seu software corretamente ajustado pode apresentar os mais diferentes tipos de problema, que podem variar de um simples superaquecimento até brechas graves de segurança.

Isso, obviamente, depende muito do componente e da falha de software e hardware que ele apresenta, a qual muitas vezes pode ser corrigida pelo update. Entretanto, a dica é importante para qualquer caso: mantenha o hardware e seus drivers sempre atualizados, pois isso pode proporcionar mais segurança para o usuário e a empresa.

Novidades

Se economia e segurança não são bons motivos para manter o hardware sempre atualizado, talvez o fator “novidade” possa convencer, afinal, quem mantém componentes antigos pode estar deixando de aproveitar recursos e funcionalidades que somente as novas peças podem oferecer. Tecnologias recentes como novos padrões de WiFi ou gerenciamento eficiente de energia são apenas alguns exemplos do que geralmente só está presente em lançamentos de componentes de hardware.

Alguns desses recursos podem não fazer sentido para certos usuários ou empresas, mas outros representam um diferencial importante. Novidades específicas de hardware podem até mesmo favorecer aspectos econômicos e de segurança, reforçando os dois motivos anteriores que mencionamos. Uma nova placa de vídeo pode trazer um recurso de renderização exclusivo que melhora muito o fluxo de trabalho de editores de vídeo, por exemplo.

Como manter o hardware atualizado?

Não existe um caminho específico que pode ser percorrido para manter o hardware sempre atualizado. Isso depende muito do contexto de cada usuário e empresa. Contudo, com os motivos apresentados, é indiscutível a importância de buscar os últimos updates do mercado.

Nesse sentido, a Intel se esforça para oferecer o que há de melhor das tecnologias nas quais trabalha. No segmento de desktops, notebooks e até mesmo de servidores, a empresa sempre está adiantada quando o assunto são novidades e recursos para os consumidores.

Para saber mais a respeito de como a Intel tem trabalhado para ajudar empresas e pessoas a manterem seus hardwares sempre atualizados, confira esta página.

Fonte: TecMundo

E-mail falso de atualização do Windows 10 envia malware ao usuário

Um novo malware está infectando diversos computadores por meio de um e-mail falso que pede uma atualização do Windows 10.

Guilherme Preta, editado por Matheus Luque 21/11/2019 08h56 (Olhar Digital)

A mensagem possui apenas uma frase, como “instalar a atualização mais recente do Windows agora” ou “atualização crítica do Microsoft Windows” e um arquivo anexado.

Caso receba um e-mail com mensagens parecidas, basta não clicar no anexo e excluí-lo imediatamente. Lembrando que a Microsoft não envia avisos de atualização por e-mail.

O arquivo anexado é um .NET executável camuflado como um 'jpg' que infectará o computador. O arquivo fará o download de um programa chamado “bitcoingenerator.exe”, que vem de uma conta do GitHub. Porém, este gerador de bitcoin não gera recursos visuais, na verdade é um malware chamado Cyborg.

O Cyborg criptografará todos os seus arquivos, bloqueando o conteúdo e alterando as extensões para 777. O programa também instalará um arquivo de texto chamado “Cyborg_DESCRYPT.txt” na área de trabalho, contendo instrução de como recuperar seus dados, cobrando um valor muito alto.

Segundo a Trustwave, empresa de segurança de computadores, existem quatro variantes do software malicioso. Seguindo a trilha gerada, a equipe concluiu que o programa tem origem russa. Além disso, a empresa afirmou que há um perigo real para empresas e indivíduos, com a possibilidade de o arquivo ser anexado a outros e-mails.

Presidente da Microsoft lista 4 tecnologias que definirão a próxima década

5G, computação quântica, nuvem e inteligência artificial estão entre as tendências citadas por Brad Smith

Guilherme Preta, editado por Daniel Junqueira 08/11/2019 11h40 (Fonte: Olhar Digital)

Brad Smith, presidente da Microsoft, se apresentou no Web Summit, em Lisboa, e falou sobre o que ele acredita que vai marcar a próxima década na área da tecnologia. O executivo afirmou, entre outras coisas, que qualquer ferramenta pode se tornar uma arma e que, por isso, acredita que as empresas de tecnologia precisam trabalhar para que o avanço tecnológico não se torne um risco.

Para ele, é preciso dar prioridade às pessoas, já que o avanço tecnológico não pode deixar a sociedade para trás. “Se fizermos as coisas de uma maneira errada, a próxima geração pagará um preço caro”, destacou. Para Smith, o maior problema para se resolver é a proteção à privacidade.

Além disso, o presidente da Microsoft destacou quais são tecnologias devem marcar a próxima década. A computação quântica é a principal delas, permitindo que os cálculos e análises de dados sejam feitas com mais velocidade. Outra tecnologia que marcará a década é o 5G.

Com esse avanço, Smith acredita que a rede se tornará mais ambiente, como a eletricidade.

“Estará tão presente em nossas vidas que não pensaremos nela diretamente”, comentou.

Com esses avanços, a inteligência artificial vai evoluir ainda mais, com a habilidade de operar fora de pequenos caminhos e permitindo insights em múltiplas disciplinas.

Para armazenar esse progresso, Smith acredita que os centros de dados em nuvem vão se expandir e se inovar, “se não, nunca conseguiremos acompanhar a expansão que está por vir”, finalizou.

Via: Época Negócios

WhatsApp ganha 74 novos emojis no Android

O WhatsApp lançou uma nova versão de seu aplicativo em versão beta no Android trazendo o Unicode 12.0, pacote que inclui 74 novos emojis para o catálogo do mensageiro.

Anunciado em março, o padrão já está disponível no iOS 13 e também no Android 10, mas ainda não tinha sido adaptado para o aplicativo de mensagens que pertence ao Facebook.

Com a chegada da atualização, os usuários do WhatsApp Beta terão acesso a emojis de comida, objetos e símbolos bastante aguardados, como cara de bocejo (yawning face). O principal destaque, porém, fica para as figurinhas inclusivas, como braço protético, aparelho auditivo, cão-guia e cadeirante. Algumas das novidades, inclusive, foram sugeridas pela Apple no ano passado.
(Fonte: Felipe Junqueira/Canaltech)

 

whatsapp

Quem está participando do beta do WhatsApp pode utilizar as novas reações baixando a versão 2.19.315, disponível por meio da Play Store. Infelizmente o programa de testes do serviço não está aceitando novos membros. Com isso em mente, o restante dos usuários ainda terá que esperar o suporte para o Unicode 12.0 chegar na edição final do aplicativo.
Quem também vai ter que esperar são os usuários do iOS. Até o momento, o WhatsApp não deu pistas de quando trará as novas figurinhas para o aplicativo dos iPhones. Assim como no Android, a edição do app para o sistema da Apple também possui um programa de testes, logo, a tendência é que os usuários do beta acabem recebendo primeiro a novidade.

Fonte: TecMundo

↓
× Como posso te ajudar?