Como impedir que um app mande notificações sem parar no Android

Notificações push são aqueles alertas que aparecem do nada na tela de um celular ou PC chamando a atenção do usuário para alguma informação ou atualização em um site ou aplicativo. No smartphone, essas notificações podem ser muito úteis em alguns momentos, ou até um problema em outros.

Notificações
(Foto: Reprodução)

Tudo depende de como os desenvolvedores usam essa ferramenta. No caso de um aplicativo gerenciador de e-mails, é provável que você só receba notificações quando chegar alguma correspondência eletrônica. Mas no caso de alguns outros apps, é possível que tentem chamar a sua atenção até quando ela não é necessária, com o simples objetivo de te obrigar a abrir o app.

Desse modo, o smartphone acaba se tornando mais uma distração do que uma ferramenta de produtividade. Se você tem algum app importante no seu celular Android, não quer se desfazer dele, mas gostaria que as notificações parassem de chegar em momentos inoportunos ou a toda hora, siga os passos a seguir para acabar com essa chateação.

Pronto. Agora este app só vai mandar notificações com as restrições que você escolheu, ou então nem vai mais mandar alertas, caso seja esta a sua opção.

Fonte: olhardigital.com.br

Jovens que acessam a internet em excesso podem sofrer com sua saúde mental

Não é novidade para ninguém aquela velha história de que qualquer coisa em excesso faz mal.

Infelizmente, o uso da internet não está livre disso. Prova disso veio com um novo estudo feito no Reino Unido pelo Instituto de Política de Educação, que encontrou uma ligação entre o uso “extremo” da rede por adolescentes – com destaque em específico para as mídias sociais – e certos problemas com sua saúde mental.

Saúde mental dos Jovens

Antes que você comece a se preocupar, o estudo não é conclusivo em apontar os efeitos do excesso da internet e problemas mentais. No entanto, ele aponta que o uso contínuo da rede pode indicar que aquela pessoa tem maiores chances de sofrer com algum tipo de insatisfação em sua vida. Jovens que gastam três horas ou mais online mesmo em dias de escola, por exemplo, têm duas vezes mais chances de relatar algum problema com sua saúde mental.

“O uso contínuo da rede pode indicar que aquela pessoa tem maiores chances de sofrer com algum tipo de insatisfação em sua vida”

Já os verdadeiros usuários extremos, que passam seis horas ou mais na internet, reportaram serem vítimas de bullying em 17,8% dos entrevistados – quase três vezes mais do que os 6,7% relatados por usuários moderados de internet. Não limitados a isso, os adolescentes que chegam a esses níveis também relataram uma satisfação de vida média de 6,59/10 contra uma média de 7,4/10 dos moderados.

Novamente, é importante frisar que o estudo não aponta o uso excessivo de internet como a causa de tudo. Muito pelo contrário: em vários casos, seu uso foi notado como benéfico para várias pessoas. Justamente por isso, contudo, é que essa ligação pode estar se formando.

Em meio a tudo isso, a mensagem que fica é uma maior atenção aos casos de uso excessivo de internet. Caso ele exista, é sinal de que esse jovem possa estar precisando de ajuda.

FONTE(S): TECMUNDO | EDUCATION POLICY INSTITUTE
IMAGEN(S): ALAMY

Bill Gates

15 previsões de Bill Gates que se tornaram reais

O magnata Bill Gates, mais conhecido por ser o fundador da Microsoft, escreveu um livro chamado A Empresa na Velocidade do Pensamento (Business @ the Speed of Thought) em 1999.

No livro, Gates faz 15 previsões sobre o mundo e o mercado da tecnologia — e quão surpreso você ficará ao descobrir que ele acertou tudo?

Bil Gates
Bil Gates

Abaixo, você acompanha a compilação dessas 15 previsões feitas por Bill Gates há quase 20 anos e elencadas pelo pessoal do Business Insider. Acompanhe:

Sites comparativos
“Serão desenvolvidos serviços automatizados de comparação de preços, permitindo que as pessoas vejam preços em vários sites, tornando mais fácil encontrar o produto mais barato para todas as indústrias”. Bem, não precisamos explicar muito aqui, certo? Só no Brasil, existem várias ferramentas que comparam preços de produtos online.

Dispositivos móveis
“As pessoas vão transportar dispositivos pequenos que lhes permitam manter contato constante e fazer negócios eletrônicos de onde quer que estejam. Poderão verificar as notícias, ver os voos que reservaram, obter informações dos mercados financeiros e fazer qualquer outra coisa sobre esses dispositivos “. Smartphones, dumbphones, smartwatches, smartbands, smartbelts e até geladeiras inteligentes. Exatamente: Gates esqueceu de citar as geladeiras inteligentes — ok, você não transporta uma geladeira. Boa, Bill.

Pagamento online
“As pessoas vão pagar suas contas, cuidar de suas finanças e se comunicar com seus médicos pela internet”. Hoje, temos o internet banking na palma de nossas mãos. Além disso, já existem aplicativos voltados para a área de medicina, permitindo o agendamento de consultas.

IoT
“Serão desenvolvidos ‘companheiros pessoais’. Eles vão se conectar e sincronizar todos os seus dispositivos de forma inteligente, seja eles em casa ou no escritório, e permitir que eles troquem dados. O dispositivo verificará seu email ou notificações e apresentará as informações que você precisa. Quando você vai à loja, você pode dizer quais receitas você deseja preparar e gerará uma lista de ingredientes que você precisará pegar. Ele informará todos os dispositivos que você usa de suas compras e horários, permitindo que eles se ajustem automaticamente ao que você está fazendo”.  Aqui, vemos a Internet das Coisas, algo que está sendo implementado em massa atualmente. Ou seja: tudo está conectado.

Stream doméstico
“Os feeds de vídeo constantes de sua casa vão se tornar comuns, o que informará quando alguém visitar enquanto você não estiver em casa”.
Câmeras de vigilância doméstica já são um mercado. A Google, por exemplo, comprou a Dropcam por US$ 555 milhões em 2014.

Social media
“Os sites privados para seus amigos e familiares serão comuns, permitindo que você converse e planeje eventos”. Facebook, Twitter, Tumblr, Google+, WhatsApp, Snapchat, Instagram, Telegram, Messenger… Faltou algum?

Anúncios customizados
“Um software que sabe quando você reservou uma viagem e usa essa informação para sugerir atividades no destino local. Sugere atividades, descontos, ofertas e preços mais baratos para todas as coisas em que você deseja participar”. O Google Now faz isso. O Facebook faz isso. Vários sites também, como o Airbnb. Mais uma previsão acertada.

Fóruns esportivos
“Ao assistir a uma competição esportiva na televisão, os serviços irão permitir que você discuta o que está acontecendo ao vivo e entre no concurso onde você vota sobre quem você acha que vai ganhar “. Sites de apostas e fóruns esportivos estão por toda a internet. Além disso, as redes sociais entraram nessa jogada.

Publicidade inteligente
“Os dispositivos terão publicidade inteligente. Eles conhecerão suas tendências de compras e exibirão propagandas adaptadas às suas preferências”. Contexto em foco: Participe das discussões no tópico certo para o seu negócio com a Worldsense. Já buscou algum produto na Google e, depois, viu imagens desse produto em outros sites e redes sociais? Pois bem.

Links na TV
“A transmissão de televisão incluirá links para sites e conteúdos relevantes que complementam o que você está assistindo “. Comerciais mostram links de sites. Sites fazem propagandas na TV. A publicidade utiliza QR Codes. Na mosca, Gates.

Fóruns comunitários
“Os residentes de cidades e países poderão ter discussões baseadas na internet sobre questões que as afetam, como políticas locais, planejamento urbano ou segurança”. Sim, existem fóruns comunitários. Além disso, existem seções dedicadas em sites de notícias. Ainda, grupos no Facebook sobre bairros e regiões.

Assuntos
“As comunidades online não serão influenciadas pela sua localização, mas sim pelo seu interesse”. Ok, essa era fácil, Bill Gates.

Software de gerenciamento
“Os gerentes de projetos que procuram juntar uma equipe poderão entrar em linha, descrever o projeto e receber recomendações para as pessoas disponíveis que atendam aos seus requisitos”.
Os programas de gerenciamento de equipe são vários. Por exemplo, aqui no TecMundo, usamos um que se chama Slack.

CV Online
“Da mesma forma, as pessoas que procuram trabalho poderão encontrar oportunidades de emprego online declarando seu interesse, necessidades e habilidades especializadas “. Bom, podemos dizer que muitos de nós nunca bateram na porta de uma empresa para entregar currículo. Existem até redes sociais para isso: LinkedIn.

Licitações e negócios
“As empresas poderão oferecer ofertas de emprego, quer procurem um projeto de construção, uma produção de filmes ou uma campanha publicitária. Isso será eficiente para as grandes empresas que querem terceirizar o trabalho que eles geralmente não enfrentam, as empresas que procuram novos clientes e as empresas que não têm um provedor de acesso para o referido serviço “.

Bom, é o mercado de hoje, não?

FONTE(S): BUSINESS INSIDER

↓
× Como posso te ajudar?